VEÍCULOS

Separadas no nascimento: Honda CB 500X e CB 500F 2020

Com personalidade distintas, as “gêmeas” iniciam pré-vendas na rede de concessionárias

Foto: Reprodução Foto: Reprodução

A crossover aventureira Honda CB 500X e a naked com “pegada” de streetfighter CB 500F 2020, que acabam de completar seis anos de pleno sucesso no mercado brasileiro, iniciaram as pré-vendas na rede de concessionárias. Ambos os modelos, que partilham a mesma base mecânica e funcionam como a porta de entrada no mundo da alta cilindrada da Honda, receberam renovações técnicas e estilísticas. Um dos pontos altos da família CB 500 está em compartilhar itens fundamentais como motor e chassi e, por meio deles, gerar motocicletas de personalidades bem distintas.

As virtudes da Honda CB 500X nas trilhas foram exaltadas na versão 2020 pela adoção da roda dianteira de 19 polegadas, que amplia a capacidade do modelo de encarar terrenos ruins com maior segurança e desenvoltura – e até permite breves incursões na terra. Mais afinado ao caráter “off”, o modelo teve a posição de pilotagem aperfeiçoada para conferir maior domínio, graças em parte ao novo guidão cônico. Complementam a atitude mais aventureira as suspensões de curso ampliado e um amortecedor posterior mais eficaz.

A Honda CB 500F 2020 tenta atender ainda melhor aos fãs do estilo agressivo das naked, que tem na grande maneabilidade seu ponto de destaque. O design mais radical é o ponto que mais a diferencia da versão anterior, mas as evoluções não se limitam ao estilo. O novo guidão cônico proporciona posição de pilotagem mais adequada, que facilita o controle. Amortecedor traseiro aperfeiçoado e painel black out LCD com indicador de marchas engatadas são outras atualizações do modelo.

Comum a ambas CB 500 é o motor bicilíndrico, cuja potência máxima de 50,4 cavalos a 8.500 rpm e o torque de 4,53 kgfm a 6.500 rpm permaneceram inalterados, mesmo tendo recebido novos comandos de válvulas e dutos de admissão e escape redesenhados. Um trabalho de aperfeiçoamento foi feito no motor para incrementar torque e potência em regimes de 3 mil a 7 mil rpm. Outra novidade é a introdução da embreagem assistida do tipo deslizante. O chassi tubular de aço de arquitetura tipo Diamond é igual na duas CB 500, que também compartilham o painel com luz-alerta “shift-up” – avisa o momento ideal para troca de marcha – e o indicador digital de marcha engatada. A iluminação “full-led” é equipamento padrão nas CB 500F e CB 500X 2020.

Na CB 500F, as rodas de liga leve têm 17 polegadas e seis raios em formato de Y. A dianteira tem 3,5 polegadas de largura e calça pneu medida 120/70-ZR. A roda traseira tem 4,5 polegadas de largura e o pneu tem medida 160/60-ZR. Já na CB 500X, as rodas de liga leve têm sete raios duplos, a dianteira com aro de 19 polegadas e largura de 2,5 polegadas, a traseira tem aro 17 polegadas e largura de 4,5 polegadas. Os pneus são tipo on/off na proporção 60%-40%, medida 110/80R M/C na dianteira e 160/60R M/C atrás.

Honda CB 500F. Painel LCD black out com indicador de marchas.

Na CB 500X, o caráter aventureiro foi exaltado nas formas que enfatizam a vocação multiuso. As aletas que direcionam o ar para o radiador e todas as partes plásticas das laterais ganharam mais definição na passagem de uma superfície para outra, enquanto o tanque, agora com 17,7 litros, está perfeitamente alinhado com as laterais, característica que facilita a pilotagem de pé nas pedaleiras. O banco de dois níveis foi redesenhado, facilitando o apoio dos pés no solo. O novo guidão, mais plano e alto, contribui para um melhor controle enquanto o aumento do raio de esterço facilita manobras em baixas velocidades. Enquanto isso, os designers da naked CB 500F buscaram aumentar ainda mais a agressividade do modelo, dando-lhe característica de verdadeira streetfighter. O formato do conjunto óptico frontal confere à CB 500F um “olhar” agressivo e penetrante. As aletas laterais que direcionam o ar para o radiador, mais integradas ao tanque de combustível, colocam o motor em maior evidência.

Em ambas, o inédito painel LCD Black Out inclui indicador digital de marcha engatada e uma luz alerta Shift-Up, que lampeja no momento ideal para a passagem à marcha superior. Tal luz vem com ajuste de fábrica para piscar quando o motor alcança 8.750 rpm, mas é possível regulá-la para atuar de 5 mil a 8.750 rpm, conforme a preferência do condutor. Outro elemento em comum é a ponteira de escape, agora com dupla saída, o que resulta também em uma nova identidade sonora para a família CB 500.

As Honda CB 500F e CB 500X 2020 chegam às concessionárias de todo o Brasil a partir de março e com garantia de três anos, sem limite de quilometragem, além do Honda Assistance durante o período que durar a garantia. O preço sugerido para a CB 500F é de R$ 26.900 e, para a CB 500X, de R$ 28.900, os dois com base Estado de São Paulo.

Comentários