SAÚDE

Santa Casa de Rio Preto suspende cirurgias eletivas por falta de medicamentos

Estoques estão no limite por causa do aumento da demanda durante a pandemia de Covid-19. Informação foi divulgada nesta segunda-feira (22) pelo provedor da unidade.

Foto: Reprodução Foto: Reprodução

A Santa Casa de São José do Rio Preto (SP) suspendeu a partir desta segunda-feira (22) a realização de cirurgias eletivas.

Segundo o provedor do hospital, Nadim Cury, a medida foi necessária porque há falta de medicações utilizadas para entubar pacientes.

“Nosso estoque está bem baixo. Estamos preocupados com os pacientes que precisam usar as medicações para Covid, Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e anestesia”, afirma Nadim.

Segundo boletim divulgado nesta segunda pela Santa Casa, 34 pacientes diagnosticados com o novo coronavírus estão internados no hospital, sendo 17 em enfermaria e 17 em UTI.

Além disso, 37 pessoas com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) também estão internadas na Santa Casa. Deste total, 31 estão em enfermaria e seis em UTI.

“Vamos deixar o nosso estoque, que está pequeno e dá para mais ou menos 15 dias, só para pacientes de urgência, emergência e Covid. Está faltando medicação, porque há um alto consumo. A demanda triplicou, quadruplicou, e os laboratórios não estão dando conta”, diz o provedor.

Comentários