SAÚDE

Com cinco mil habitantes, Mendonça tem 58 casos de coronavírus e duas mortes

Para combater avanço da doença, cidade vai adotar toque de recolher e restringir o horário de funcionamento do comércio.

Foto: Reprodução Foto: Reprodução

O avanço do coronavírus preocupa as cidades pequenas no interior de São Paulo e uma delas é Mendonça (SP). Com pouco mais de cinco mil habitantes, o município viu os casos da doença crescer nesta semana.

Só nesta terça-feira (23), Mendonça, teve 13 novos casos positivos da doença. Ao todo, já são 58 casos positivos e duas mortes, além de quatro internados.

A segunda morte por coronavírus foi confirmada na manhã desta terça-feira (23), pela Coordenadoria Municipal de Saúde. A paciente é uma mulher, de 53 anos.

Outra cidade, por exemplo, com muitos casos é Tabapuã. Com um pouco mais de 12 mil habitantes, a cidade tem 121 casos confirmados da doença e cinco mortes.

A Prefeitura de Mendonça (SP) irá restringir o horário de funcionamento do comércio em geral e adotar um toque de recolher na cidade por causa do aumento dos casos de coronavírus.

As medidas ainda não viraram decreto, então oficialmente não estão valendo, mas na conta oficial em uma rede social, a prefeitura diz que o comércio irá funcionar por quatro horas por dia.

O horário de funcionamento deverá ser anunciado ainda e deverá ser das 11h às 15h, de segunda a sexta-feira, e aos sábados, das 8h ao meio dia.

As medidas começam a valer a partir desta quarta-feira (24) após a publicação de novo decreto visando a contenção viral.

O novo decreto que deve ser publicado estabelece também toque de recolher no período entre 21h às 5h do dia seguinte.

Segundo a prefeitura, as medidas terão validade até que a curva de novos casos da doença pare de crescer.

Comentários