Estudantes brasileiros presos com em festa serão expulsos do Paraguai

24/04/2019 06:21 Policial
Jovens no dia em que foram presos. - Crédito: (Porã News)
Jovens no dia em que foram presos. - Crédito: (Porã News)

Os onze brasileiros, estudantes de medicina, presos no começo deste mês, durante uma festa regada a álcool e drogas em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz divisa com Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul, serão expulsos do Paraguai.

Conforme a polícia, durante a investigação foi constatado que nenhum dos jovens entrou legalmente no território e tinham sequer os vistos de estudantes para permanecer no país. O Paraguai atrai estudantes brasileiros de medicina, por ter mensalidades em universidades particulares, muito abaixo da média que é praticada no Brasil.

Com a expulsão, cabe às autoridades brasileiras definir o futuro dos suspeitos, conforme o juiz Cândido Mendieta. Nove dos jovens são homens e as outras duas, mulheres. Um outro estudante paraguaio que havia sido preso com o grupo foi condenado a fazer trabalhos sociais em Pedro Juan Caballero, segundo o site Capitan Bado.

Flagrantes

A prisão aconteceu por volta das 15 horas, do dia 06 de abril em uma residência após denúncias de moradores próximos indicarem grande movimentação de jovens no local.

Os agentes do Departamento Antinarcóticos da Polícia Nacional do Paraguai confirmaram a presença suspeita de várias pessoas na residência situada na rua José Flores do bairro Obrero.

Com ordem de busca e apreensão, os policiais entraram na residência e encontraram pouco mais de 3 quilos de maconha, sendo 2,5 quilos em tabletes, além de 340 gramas de maconha picada em um pote e 267 ngramas em uma bolsa e 55,4 gramas de maconha picada. Também encontraram três motocicletas sem procedência.

Fonte: Da redação / Dourados News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do General Salgado News.