Polícia apreende transportes escolares de General Salgado após denúncia de irregularidades

Veículos foram encaminhados a um pátio particular até que a prefeitura regularize a situação. Após denúncia de superlotação.
10/03/2018 10:49 General Salgado
Veículos de transporte escolar foram flagrados com irregularidades (Foto: Reprodução/TV TEM)
Veículos de transporte escolar foram flagrados com irregularidades (Foto: Reprodução/TV TEM)

A Polícia Militar fiscalizou o transporte escolar de General Salgado (SP), na tarde desta quarta-feira (7), e apreendeu um ônibus e um micro-ônibus.

Os veículos foram encaminhados a um pátio particular até que a prefeitura regularize a situação. Multas também foram aplicadas porque foram constatadas irregularidades nos ônibus.

Depois de denúncias feitas pela TV TEM de superlotação e ônibus precários, o transporte escolar dos estudantes foi fretado na manhã desta quarta-feira (7).

Diferentemente dos outros dias, não havia superlotação. “Hoje veio um ônibus bem melhor, antes era um velho, agora passou um bem melhor”, diz a mãe de aluno Maria Aparecida dos Santos.

O ônibus que fez o transporte dos alunos foi fretado por três dias, então, até sexta-feira (9). Segundo a prefeitura, na semana que vem o ônibus do município que está quebrado voltará a fazer o serviço.

O caso

A superlotação no transporte de estudantes em General Salgado foi mostrada pela TV TEM. Em um dos casos, três alunos dividiam espaço onde deveriam estar dois passageiros. Tinha até crianças em pé. Algumas mães fizeram vídeos e denunciaram o problema.

Na segunda-feira, enquanto a equipe fazia a reportagem um ônibus quebrou. Doze crianças foram numa perua e mais de 60 desceram depois para seguir em outro ônibus. Na garagem onde ficam os veículos do município tinha vários ônibus.

Durante a reportagem, o encarregado de transportes da educação do município, Lucien Roberto Fernando, disse que os pais dos estudantes não têm o direito de reclamar, já que o transporte é gratuito.

“Acho que tinha de cortar [o serviço]. Cada um levar o seu filho para a escola, porque aqui é de graça. Vai reclamar do quê? É de graça e está reclamando”, disse, aos gritos, para o repórter da TV TEM.

A prefeitura disse que tomou medidas cabíveis em relação às declarações do encarregado do setor de transportes.

Ônibus quebrou e estudantes foram transferidos para outros transportes para chegar às escolas (Foto: Reprodução/TV TEM)

Ônibus quebrou e estudantes foram transferidos para outros transportes para chegar às escolas (Foto: Reprodução)

Video aqui!

Fonte: Por G1 Rio Preto e Araçatuba

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do General Salgado News.