Mulher é flagrada ao tentar entrar em presídio de Mirandópolis com maconha escondida na comida

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, durante revista nos pertences da visitante, por meio do aparelho de raio X, foram apreendidos 887 invólucros do entorpecente.
11/07/2019 14:02 Brasil
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Uma mulher foi flagrada tentando entrar na penitenciária de Mirandópolis (SP) com mais de 880 invólucros de maconha para entregar para o preso.

O caso aconteceu durante revista no fim de semana prolongado e divulgado nesta quinta-feira (11) pela SAP (Secretaria de Administração Penitenciária).

Segundo a secretaria, durante revista nos pertences da visitante, por meio do raio X, foram apreendidos 887 invólucros do entorpecente. A droga estava no interior de uma vasilha de plástico, escondida entre os alimentos, como feijão.

A visitante foi suspensa da visitação e encaminhada à delegacia do município.

Uma outra mulher foi flagrada ao tentar entrar na penitenciária de Lavínia (SP) com uma bateria de celular escondida nos pertences do recém-nascido que ela trazia junto para a visita.

A mulher também foi suspensa do rol de visitas e levada à delegacia de polícia. O sentenciado envolvido foi levado ao pavilhão disciplinar.

Em Lavínia também uma mulher foi presa ao tentar entrar na penitenciária com uma folha de papel aparentando ser a droga sintética K4. O sentenciado foi isolado preventivamente e a mulher foi presa, além de ser excluída do rol de visitas.

Fonte: G1

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do General Salgado News.