Tereza Cristina anuncia mais R$ 500 milhões para o programa de financiamento

Discurso foi realizado na abertura da Agrishow, em Ribeirão Preto, com a presença de Jair Bolsonaro
30/04/2019 06:05 Agricultura
Discurso foi realizado na abertura da Agrishow, em Ribeirão Preto, com a presença de Jair Bolsonaro / Alan Santos/PR
Discurso foi realizado na abertura da Agrishow, em Ribeirão Preto, com a presença de Jair Bolsonaro / Alan Santos/PR

Nesta segunda-feira (29), a ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), anunciou em Ribeirão Preto (SP), na abertura da Agrishow, a destinação de mais R$ 500 milhões no atual Plano Safra para o programa Moderfrota, cujos recursos haviam se esgotado em dezembro. Durante o evento com a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro, a ministra disse que o fato de os produtores terem utilizado todo o orçamento significa que estão confiantes no setor, investindo em máquinas e equipamentos.

De acordo com a Ministra Tereza Cristina, “Tira daqui, põe lá, raspamos o tacho para atender a essa demanda”, pontua Tereza Cristina sobre o financiamento que é concedido por meio do BNDES (o Programa de Modernização da Frota de Tratores Agrícolas e Implementos Associados e Colheitadeiras). Adiantou que o Plano Safra 2019/2020, a ser divulgado em 12 de junho, também deverá agradar aos produtores

Ainda segundo a ministra, “O presidente herdou um orçamento apertadíssimo, engessado. Mas estamos nos reunindo semanalmente e tendo a parceria do ministro Paulo Guedes (Economia) com a agropecuária brasileira. Então, vocês terão surpresas agradáveis”, declara.

Tereza Cristina aponta ainda que, “O presidente mudou a história ao pôr um ministro do Meio Ambiente (Ricardo Salles) e da Agricultura em perfeita sintonia, em prol do desenvolvimento e da sustentabilidade do país”.

Além destes, a ministra também anunciou para breve a melhoria da conectividade no campo. “O governo trabalha afinado, é um time que conversa. Tenho mantido entendimento também com a Ciência e Tecnologia (ministério) e vocês verão em breve a nossa conectividade no campo. Esse é um dos legados que o presidente deixará”.

A ministra lembrou que são grandes os desafios, mas que “todos eles serão sanados, com diálogo aberto no Ministério da Agricultura. Eu disse aqui, no ano passado que o país precisa de previsibilidade e é isso que o presidente vem fazendo, na simplificação, na modernização, no revogaço, para que as coisas caminhem”, afirmou ela. “Muito já se fez, retirando as travas para que o custo Brasil diminua, para que se produza com segurança jurídica. Mais de 200 produtos já destravamos”.

Ainda durante a sua fala, destacou a importância da Embrapa, “que precisa ser remodelada”, conclui.

Fonte: Flavia Andrade / Capital News / Capital News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do General Salgado News.